View All Photos

LP recorded by the Coral Carlos Gomes under the conduction of Flávio Garcia.

Photo courtesy of Brazilian White Center - UNASP.

Coral Carlos Gomes

By Jetro Meira de Oliveira

×

Jetro Meira de Oliveira

First Published: January 29, 2020

O Coral Carlos Gomes é um dos coros mais antigos da Igreja Adventista do Sétimo Dia no Brasil. O coral é bem reconhecido no Brasil e sua sede está localizada no Centro Universitário Adventista de São Paulo (Unasp), campus São Paulo. É um coro de vozes adultas mistas, cujo repertório inclui canções religiosas e clássicas, com ênfase na música sacra.

O Coral recebeu, em 1941, o nome do compositor Antônio Carlos Gomes (1836-1896), nascido em Campinas, estado de São Paulo, com o intuito de homenageá-lo, por sugestão de Jorge Pereira Lobo. No entanto, a sua formação está ligada ao início do Unasp, campus de São Paulo, em 1915, quando a instituição era conhecida simplesmente como Seminário Adventista.

Contexto

A apreciação pela música no contexto da educação adventista é bastante conhecida. Assim, a formação de um coral pouco tempo depois do estabelecimento do Seminário Adventista em São Paulo foi natural. Além da preocupação dos estudantes em desenvolver o gosto por essa forma de louvor, houve também o interesse de lhes proporcionar uma experiência enriquecedora e proveitosa nesse aspecto da música.

Segundo um relato antigo, o primeiro maestro do coro que atuou no então Seminário Adventista foi Paul Henning, um missionário adventista vindo da Alemanha.1 Nos primórdios de sua história, o coral era simplesmente conhecido como Coro do Seminário.

A primeira publicação do Seminário Adventista data de 1916 e apresenta, na seção intitulada "Música e Canto", informação sobre a importância de estudar o canto para cultivar a alta moral. A finalidade seria educar a natureza rude e sem instrução para que fosse enobrecida pela “mágica” da música. O texto informava ainda que os estudantes que já tivessem algum preparo na área da música e canto poderiam ser admitidos no “coro de cantores,”2 o que sugere que, desde o início, houve algum tipo de seleção para participar do coral.

A primeira apresentação gravada fora do ambiente do colégio foi realizada em 29 de dezembro de 1918, durante a cerimônia de dedicação da nova União Brasileira, localizada na cidade de São Bernardo, São Paulo. Segundo o relato: "O coro do seminário, sob a direção do irmão e professor Paul Henning, interpretou alguns hinos apropriados e inspiradores”.3

Em 1920, a estudante norte-americana Alma Meyer começou a reger o coral, designado então Coro Miriam. Ela foi aluna da primeira turma do seminário e se formou em 1922. No ano seguinte, se casou com um colega de classe, passando a se chamar Alma Meyer Bergold. Alma geriu o coro até 1934, e em ocasiões especiais, eram acrescentados mais cantores com o intuito de formar um coro maior, como acontecia nas cantatas: Davi, O Jovem Pastor (1923) e Ester, uma Bela Rainha (1925)4.

Entre 1935 e 1938, a professora americana Catharina Downs, esposa de L. E. Downs, conduziu o Coro Miriam, que desempenhou principalmente funções litúrgicas.5

Em 1939 o novo professor e maestro Walter Rollo Wheeler chegou ao colégio. Sob a sua direção, o coral se desenvolveu ao apresentar obras sagradas eruditas e na realização de sua primeira excursão ao Rio de Janeiro em 1940. Durante um breve período, o coro foi chamado Orfeão Paulistano.6

Fundação

Em 1941 o coral recebeu o seu nome atual e mais conhecido, Coral Carlos Gomes. A partir dessa fase, ele ganhou visibilidade além do meio eclesiástico. Em 1944, apresentou-se no recém inaugurado Hotel Quitandinha (Petrópolis-RJ) em prestígio aos presidentes da igreja no Brasil e no Uruguai; algumas canções foram gravadas na Rádio PRD-5 de Petrópolis e cantadas no programa Universidade no Ar, veiculado pela Rádio Nacional do Rio de Janeiro. Apresentou-se nos auditórios da Escola Nacional de Música, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Radio Clube do Brasil, e da Academia Brasileira de Imprensa no Rio de Janeiro. Gravou também o hino da independência nos estúdios da Rádio do Ministério da Educação. (PDR-2).7

História

Em 1958, Flávio Araújo Garcia assumiu a direção do Coral Carlos Gomes, permanecendo no cargo até 1974. Este foi um período caracterizado pela apresentação de várias obras extensas, tais como A Cerimônia de Cantos de Natal, de Benjamin Britten; A Crucificação, de John Stainer; A Cidade Santa, de Alfred Gaul; Missa da Coroação, de Wolfgang Amadeus Mozart; Elias, de Felix Mendelssohn; A Criação, de Franz Joseph Haydn; Do Olivete ao Calvário, de John Maunder. Muitas dessas obras eram versões adaptadas para o português por Dario Pires de Araújo. Trata-se também de um período marcado por numerosas parcerias com orquestras profissionais, incluindo a Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo (OSESP), sob a direção do Maestro Eleazar de Carvalho. Em 1964 o Coral Carlos Gomes participou da assembleia de concertos da ópera de Benjamin Britten intitulada Fludde de Noye, com uma versão em português chamada Arca de Noé. Foi a primeira edição dessa ópera em São Paulo, sob a direção do maestro Mario Ferraro.8

A partir de 1979, o Coral Carlos Gomes começou a ser dirigido por Turíbio José de Burgo, sendo que um dos pontos mais memoráveis dessa fase foi a gravação da extensa peça Com Som de Trombetas, em 1982. O título da canção foi dado por John W. Peterson e ficou bastante conhecido por integrar-se à própria identidade do coro. Os coristas que participaram desse período lembram com entusiasmo as muitas viagens e apresentações feitas em vários estados do Brasil, bem como em outros países, tais como Argentina, Uruguai e Paraguai.9 As apresentações eram realizadas para o próprio público da igreja, bem como para o público externo, abrangendo as diferentes camadas da sociedade.

Por ocasião da sexagésima Assembleia da Associação Geral da Igreja Adventista do Sétimo Dia em San Antonio, Texas (EUA), mais de 300 cantores e ex-alunos do Coral Carlos Gomes estiveram reunidos para interpretar a canção Com Som de Trombetas, sob a regência de Marcelo Martins, diretor do coral na época. Essa apresentação contou com a participação especial da Orquestra Sinfônica da Universidade de Montemorelos.10

Perspectiva

A caminhada do Coral Carlos Gomes foi marcada por um testemunho constante acerca da fé cristã adventista, dentro e fora da igreja. Em suas várias formações, repertórios, regências e direções, o Senhor guiou o grupo ao longo de uma rica jornada de testemunhos sobre Deus e Sua Palavra, que foi e continua sendo pregada nos vários segmentos da sociedade brasileira. A perspectiva do coral para o futuro é continuar testemunhando sobre o evangelho através do canto e erguer suas vozes como trombetas para anunciar que “Jesus virá nas nuvens do céu”.

Regentes

Paul Hennig (1915–1919); Alma Meyer Bergold (1920–1934); Catharina Downs (1935–1938); Walter R. Wheeler (1939–1941); Walter R. Wheeler (1941–1944); Frederico Gerling, Jr. (1945–1945); Walter R. Wheeler (1946–1949); Flávio Araújo Garcia (1949–1950); Gérson Maia de Mattos (1950–1950); Flávio Araújo Garcia (1951–1955); Dean Friedrich (1956–1957); Flávio Araújo Garcia (1958–1974); Raimundo Martins (1975–1976); Williams Costa, Jr. (1977–1978); Turíbio José de Burgo (1979–1999); Ronnye Dias (1999–2003); Turíbio José de Burgo (2003–2012); Richard Kogima (2013–09/2013); Ronnye Dias (09/2013–12/2013); Marcelo Martins (2014–2015); Turíbio José de Burgo (2016– )

Discografia

Nascimento de um Rei (1944); Coral Carlos Gomes—Hinos favoritos de seu repertório (1960); Hinos Favoritos (1961); Encarte da Colina—50o. Aniversário do Instituto Adventista de Ensino (1965); Hinos Religiosos (1969); Hinos Pátrios (1972); Corais do IAE no 65º ano (participação) (1980); Com o Som de Trombetas (1982); A música no IAE (participação) (1990); Glória e Majestade (1998); Nossa Gente, Nossa Música (participação especial) (2000); Nosso Louvor—DVD (2006); Que amor é esse—DVD  (2006); Notas de Alegria—Grupos ACARTE (participação) (2007); Sonhos e Ideais–95 Anos UNASP-SP–DVD (participação) (2010); Muito Além–100 anos UNASP-SP–CD e DVD (participação) (2015).

Prêmios

Segundo lugar no I Concurso Coral do Estado de São Paulo (1964); primeiro lugar no II Concurso de Corais do Estado de São Paulo (1966); primeiro lugar no Festival de Corais Nacional do Rio Grande do Sul (1970); quarto lugar no Concurso Coral Pan-Americano (1970); primeiro lugar no Concurso de Hinos do País promovido pelo Estado de São Paulo (1972); primeiro lugar no Concurso Nacional de Canto em Coral, São Paulo-SP (1996).

Referências

Casoy, Sergio. Ópera em São Paulo: 1952–2005. São Paulo, SP: EdUSP, 2007.

“Collegio Missionario da Conferencia União Brazileira dos Adventistas do Setimo Dia”. 1916.

Lüdke, Germano. “Escola de Missão em Santo Amaro”. Revista Mensal, outubro de 1915.

Rohde, Max. “Várias Notícias”. Revista Mensal, fevereiro de 1919.

Simon, Loide, e Elder Hosokawa. De Coro do Seminário para Coral Carlos Gomes: Uma Trajetória de Louvor e Virtuosidade no UNASP I (1915–2005). Material não publicado. Sem data.

Siqueira, F. N. “O Coral Carlos Gomes e sua Grande Obra”. Revista Adventista, novembro de 1944.

Notas de fim

  1. Germano Lüdke, “Escola de missão em Santo Amaro,” Revista Mensal, outubro de 1915, 5, 6.
  2. “Missionary College of the Conference Brazilian Union of Seventh Day Adventists” (1916): 14.
  3. Max Rohde, “Várias Notícias,” Revista Mensal, fevereiro de 1919, 10.
  4. Loide Simon e Elder Hosokawa, De Coro do Seminário para Coral Carlos Gomes: Uma Trajetória de Louvor e Virtuosidade no UNASP I (1915–2005). Material não publicado. Sem data. Centro de Pesquisas Ellen G. White, arquivos do Unasp.
  5. Ibid.
  6. Ibid.
  7. F. N. Siqueira, “O Coral Carlos Gomes e sua Grande Obra,” Revista Adventista, novembro de 1944, 24.
  8. Sergio Casoy, Ópera em São Paulo: 1952-2005 (São Paulo, SP: EdUSP, 2007): 117, 118.
  9. Ellen Stencel, entrevistada pelo autor, Engenheiro Coelho, São Paulo, 3 de março de 2018.
  10. Marcelo Martins, entrevistado pelo autor, Engenheiro Coelho, São Paulo, 2 de março de 2018.
×

Oliveira, Jetro Meira de. "Carlos Gomes Choir." Encyclopedia of Seventh-day Adventists. January 29, 2020. Accessed May 24, 2024. https://encyclopedia.adventist.org/article?id=AI3Y.

Oliveira, Jetro Meira de. "Carlos Gomes Choir." Encyclopedia of Seventh-day Adventists. January 29, 2020. Date of access May 24, 2024, https://encyclopedia.adventist.org/article?id=AI3Y.

Oliveira, Jetro Meira de (2020, January 29). Carlos Gomes Choir. Encyclopedia of Seventh-day Adventists. Retrieved May 24, 2024, https://encyclopedia.adventist.org/article?id=AI3Y.